PT        EN
logo Minit�rio de Minas e Energia
logo Eletrobras

Propostas de Políticas Específicas para Energia Eólica no Brasil após a Primeira Fase do PROINFA

Autor: Ricardo Marques Dutra
Grau: Tese de D. Sc.
Instituição: Programa de Planejamento Energético/ COPPE/ UFRJ
Local: Rio de Janeiro
Ano: 2007

A presente tese tem por finalidade propor possíveis estratégias, conforme diferentes critérios, para o desenvolvimento da energia eólica no Brasil, a partir da segunda fase do Programa de Incentivo a Fontes Alternativas de Energia - PROINFA. Desta forma, ela apresenta os principais mecanismos de promoção de fontes alternativas
e renováveis de geração de eletricidade tanto sob o ponto de vista teórico quanto através da apresentação e análise de resultados obtidos da experiência internacional. Também é feita a análise do contexto atual do setor elétrico brasileiro, especialmente da evolução das políticas implementadas para o desenvolvimento de fontes renováveis de energia. Com a reflexão proveniente da experiência internacional e o contexto atual do setor elétrico brasileiro, são propostas e avaliadas quantitativamente estratégias para a aplicação de políticas de incentivos à fonte eólica no Brasil, além do que é apresentado pela estrutura atual do PROINFA. Os critérios para estas estratégias são: (1) redução das emissões do setor elétrico; (2) otimização do sistema hidrelétrico; (3) desenvolvimento industrial e regional e (4) aumento da participação de fontes renováveis alternativas na matriz energética. Os resultados apresentados neste trabalho mostram a viabilidade de diversas estratégias para o desenvolvimento da energia eólica no Brasil: para a estratégia (1), identificou-se que o Sistema de Cotas mostra-se mais adequado para o caso brasileiro; para as estratégias (2) e (3) identificou-se que o sistema Feed-In apresenta-se mais adequado para ambas estratégias. Finalmente, para a estratégia (4) o sistema Feed-In mostra-se mais adequado para uma estratégia a curto prazo, para um programa a longo prazo, a harmonização dos Sistemas Feed-In e Cotas mostra-se mais apropriado para o desenvolvimento da energia eólica no Brasil.

Download: 200704_dutra_r_m_dr.pdf pdf

CRESESB - Centro de Referência para Energia Solar e Eólica Sérgio Brito / CEPEL - Centro de Pesquisas de Energia Elétrica
Av. Horácio Macedo, 354 - Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - Brasil, CEP 21941-911
Tel: 55 (21) 2598-6174 / 2598-6187 - Fax: 55 (21) 2280-3537 - E-mail:
(Atendimento de segunda à sexta, das 8:00 às 16:30)

Arte e Desenvolvimento Web: Bruno Montezano, 2014