PT        EN
logo Minit�rio de Minas e Energia
logo Eletrobras

O Imperativo Energético: 100% de energias renováveis Já!  (2019)

capa.jpg (77060 bytes)

O Centro de Pesquisas de Energia Elétrica – Cepel e o Centro de Referência para Energias Solar e Eólica Sérgio de Salvo Brito – Cresesb, dentro de sua missão de promover o desenvolvimento dessas fontes de energia, trazem para a sociedade brasileira mais um livro de autoria do Dr. Hermann Scheer.

A edição em português de dois de seus livros (“O Manifesto Solar” publicado em 1995 e “Economia Solar Global” publicado em 2007) despertou um grande interesse do público pelas propostas revolucionárias apresentadas pelo autor, que podem ser observadas na utilização das obras do Dr. Scheer em diversos cursos de pós-graduação no Brasil, como referência em debates sobre políticas energéticas e incentivos econômicos para fontes renováveis.

Considerando o constante interesse na aquisição de publicações desta natureza, o Cepel/Cresesb dedicou-se, mais uma vez, a trazer para o público um novo livro do Dr. Scheer na língua portuguesa. “O Imperativo Energético” apresenta, de forma por vezes apaixonada, as ideias deste pensador que, através de seu firme posicionamento a favor de uma política energética baseada em fontes renováveis, influenciou primeiramente a Alemanha, depois vários outros países a seguirem caminhos semelhantes.

Com recursos do Ministério de Minas e Energia (MME), oriundos do Convênio de Cooperação Técnica e Financeira nº 773762/2012, este livro é resultado de um trabalho conjunto de tradutores e revisores de reconhecida competência técnica. O MME espera, com esta iniciativa, estimular o debate sobre os diversos caminhos para o desenvolvimento de formas sustentáveis de geração de energia, com baixa emissão de gases de efeito estufa contribuindo, assim, para a manutenção de uma matriz elétrica fortemente baseada em fontes renováveis.

O MME e o Cepel/Cresesb têm a satisfação de publicar o último livro de autoria do Dr. Hermann Scheer, que é considerado um dos mais importantes defensores das energias renováveis em todo o mundo.

 

Sumário

Apresentação

 

 

Prefácio

 

Introdução

Mudança energética: O desafio decisivo

 

Parte I

Levantamento do status quo

1. Não há alternativa para as energias renováveis: O imperativo das leis da natureza reprimido por muito tempo

 

A. O poder do existente: A visão do abastecimento energético fóssil e nuclear

 

B. Equívocos: O hermetismo do pensamento energético convencional

 

C. Cenários “100 por cento”: Das possibilidades técnicas às estratégias

 

D. Conflito estrutural: A relação tensa entre sistemas energéticos contraditórios

 

E. Mobilização: A mudança energética como desafio da política geral

 

 

 

2. Métodos e psicologia da desaceleração: Paralisia, adiamentos e alianças (in)voluntárias

 

A. Minimalismo organizado: Conferência climática mundial e comércio de créditos de carbono em uma armadilha conceitual

 

B. Pontes quebradiças: Energia nuclear e usinas CCS a qualquer preço?

 

C. Autismo do mercado: As quatro mentiras sobre a competitividade das energias renováveis

 

D. Falta de coragem civil e política: A compensação do futuro com o presente

 

 

3. Superredes como freio pseudo-progressivo: O projeto Desertec e o projeto do Mar do Norte como nova megalomania

 

A. Superredes: Caminhos sinuosos na introdução das energias renováveis

 

B. Tecnologia sem sociologia: O projeto Desertec não é calculável

 

C. Cálculos pouco fundamentados: As consequências econômicas do Seatec

 

D. Conflito de prioridades: O abuso político do conceito superrede contra a geração descentralizada de energia elétrica

 

 

 

Parte II 

Pessoas, conceitos e tecnologias para “100 por cento” de energias renováveis

4. Aceleração: O desenvolvimento livre das energias renováveis ao invés de um planejamento tecnocrático

 

 A. Rompendo sistemas: O crescente potencial tecnológico para autonomias energéticas

 

 B. Atores: O movimento social e econômico a favor das energias renováveis

 

 C. Prioridades: A organização moderna ordoliberal para um abastecimento energético socialmente aceito

 

 D. Bem comum: O papel central do abastecimento energético municipal

 

5. Fantasia produtiva: A mudança energética como imperativo econômico

 

A. Sinergias: Novos produtos para aplicações multifuncionais

 

B. Conversões: A realocação de ramos não produtivos da economia

 

C. Libertação: A chance dos países emergentes e uma “Desert-Economy”

 

D. Prevenção: A chance de futuro dos países exportadores de energia

 

6. “Agenda 21” reloaded: Iniciativas dos governos para a mudança energética

 

 A. 350 ppm: Ações de recuperação de CO2 para economias rurais e silviculturas

 

 B. “Juros zero” para “zero emissões”: Financiamento do desenvolvimento de energias renováveis

 

 C. Potencial humano: Frentes internacionais de educação e o papel da Irena

 

 D. A liquidação da era nuclear: A desistência da energia nuclear mediante uma proibição mundial de armas nucleares

 

 

7. Decisão de valores: Ética da sociedade ao invés da economia do setor energético

 

 

Referências bibliográficas

 

 

 

 

Como obter as publicações do CRESESB?

 

CRESESB - Centro de Referência para Energia Solar e Eólica Sérgio Brito / CEPEL - Centro de Pesquisas de Energia Elétrica
Av. Horácio Macedo, 354 - Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - Brasil, CEP 21941-911
Tel: 55 (21) 2598-6174 / 2598-6187 - Fax: 55 (21) 2280-3537 - E-mail:
(Atendimento de segunda à sexta, das 8:00 às 16:30)

Arte e Desenvolvimento Web: Bruno Montezano, 2014